Português

Home

O Centro Linguistico di Ateneo (CLA) é a estrutura de referência para a organização dos serviços didáticos relacionados à obtenção da “Idoneidade Linguística” e ao percurso de estudos da língua italiana para os estudantes estrangeiros. O Centro coordena o percurso de formação e gestão dos alunos e alunas, com atenção especial para a realização de atividades de informação e Front Office, inscrições para os testes/provas linguísticos, gestão de reconhecimentos e equivalências de títulos e assistência ao registro da nota (verbalizzazione) das “provas de idoneidade”.

  • Contatos

 

Email: segreteria@cla.uniroma2.it

Tel. 06 7259 91026

Atendimento telefônico:

De segunda a quinta-feira: das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 16h00;

sexta-feira: das 10h00 às 12h00.

ABERTURA AO PÚBLICO:

De segunda a quinta-feira: das  10h00 às 12h30 e das 14h00 às 16h00

sexta-feira: das 10h00 às 12h00.

Facebook

Via di Passo Lombardo 341 – 00133 Roma

ONDE ESTAMOS

O Centro Linguistico di Ateneo da Universidade de Roma Tor Vergata fica no Campus X – Via di Passo Lombardo 341 – 00133 Roma

Como chegar

Com transporte público (ATAC)

Da Stazione Termini, pegar o metrô  (linha A, direção Anagnina) e descer no ponto final (Anagnina).

De Anagnina, pegar uma das seguintes linhas ATAC:

  • Linha 504 (circular): descer no ponto Passolombardo-Carpené;
  • Linha 506 (direção Vanvitelli): descer no ponto Passolombardo-Carpené;
  • Linha 507 (direção Grotte Celoni): descer no ponto Tor Vergata- Palosci e continuar pela Via Berkeley por cerca de 500 metros;
  • Linha 509 (direção Fosso del Cavaliere): descer no ponto Tor Vergata-Palosci e continuar pela Via Berkeley por cerca de 500 metros.

Com transporte público (ônibus Campus X/Tor Vergata)

Horários do shuttle

De carro

Do Grande Raccordo Anulare (A90), pegar a saída 20 La Romanina e continuar pela Via Vittorio Ragusa beirando a A1 Roma – Napoli por cerca de 2km. Continuando pela mesma rua, pegar o viaduto (que, fazendo uma curva à esquerda, atravessa a rodovia) e continuar até o cruzamento com Via di Passolombardo. Pegar Via di Passolombardo à esquerda e continuar por 350m até encontrar a entrada do Campus X à sua esquerda.

Vindo do Sul: A1 Roma Napoli, direção Roma sul, saída Torrenova, virar à direita, continuar por quase  50 metros até o semáforo na esquina com a Via di Passolombardo. Virar, então, à esquerda e continuar por cerca de 350 metros até encontrar a entrada do Campus X à sua esquerda.

Coordenadas GPS para configurar o navegador:

GD (graus decimais)

Latitude: 41.845718

Longitude: 12.627745

GMS (graus, minutos, segundos)

Latitude S 41° 50′ 44.586”

Longitude E 12° 37′ 39.882”

1.   Informações gerais

 

O CLA administra as “provas de idoneidade curriculares” para os estudantes matriculados nos cursos de graduação das áreas de Letras e de Engenharia da Universidade de Roma “Tor Vergata”. Desde o ano letivo de 2016/2017, o CLA organiza cursos de alfabetização de Inglês destinados também a todos os calouros da Universidade.

De acordo com o Decreto Ministerial n° 270/2004, a disposição universitária estabelece que no curriculum studiorum escolhido por cada aluna e por cada aluno seja prevista a aquisição de créditos de formação (CFU) para as competências linguísticas, para passar em uma “prova de idoneidade linguística”.

A “prova de idoneidade linguística”

A prova é prevista para as seguintes línguas: Francês, Inglês, Polonês, Português, Espanhol, Russo e Alemão, com dois níveis de dificuldade (B1 e B2), definidos pelo Quadro Comum Europeu de Referencia para as Línguas (QCER). Os alunos matriculados em um Curso de graduação trienal das áreas de Letras e de Engenharia deverão  fazer a prova de idoneidade do nível B1; para os matriculados em um Curso de graduação magistrale e/ou ciclo único das áreas de Letras e de Engenharia, ao contrário, exige-se a prova de idoneidade de nível B2. O número dos créditos relacionados à idoneidade é determinado pelo Regulamento Didático de cada Curso de estudos.

A prova de idoneidade será provavelmente computer-based e terá uma duração variável, dependendo do idioma e do nível de dificuldade. No site há testes de autoavaliação, eventuais simulações de provas passadas e, possivelmente, uma seção que contém links úteis para autoaprendizagem.

Como se preparar para a prova de  idoneidade linguística

Para se preparar ao teste, o CLA oferece cursos de frequência não obrigatória (mas altamente recomendável), que preveem aulas com o professor e encontros de tutoria.

Inscrições e chamadas

A inscrição para a prova de idoneidade linguística deve ser feita exclusivamente através da plataforma Delphi. Ao ser divulgada a lista dos inscritos, serão, então, comunicados – na seção Calendário das Provas – o período e o horário em que cada aluno deverá se apresentar. Em caso de dificuldades que impeçam a inscrição através do Delphi, é necessário entrar em contato com a secretaria do CLA dentro do prazo de encerramento das inscrições. Pede-se que o estudante se apresente no dia da prova com sua caderneta de identificação universitária. Não se podem utilizar dicionários ou outros aparelhos de multimídia.

Para obter os créditos (CFU) são feitas 5 chamadas por ano, distribuídas em 3 sessões:

  • no inverno / verão adiantada (janeiro e fevereiro);
  • no verão (junho e julho);
  • no outono (setembro).

Não é possível repetir a prova na mesma sessão.

Se no plano de estudos de cada Curso de Graduação estiverem presentes duas idoneidades (buscar em: outras atividades de formaçãoaltre attività formative -, maiores conhecimentos linguísticos (ulteriori conoscenze linguistiche), ou para o conhecimento de uma língua estrangeiraper la conoscenza di una lingua straniera), os alunos serão obrigados a escolher duas línguas diferentes e a fazer as duas provas correspondentes.

Resultado da prova e registro da nota (verbalizzazione)

No caso do teste computer based, ao terminar a prova de idoneidade, o aluno poderá ver imediatamente na tela seu resultado. O registro da nota ocorre automaticamente no Delphi, normalmente dentro de algumas semanas a partir do dia da prova. A idoneidade não será registrada na caderneta impressa.

O calendário das provas, a subdivisão dos estudantes e as respectivas informações sobre a abertura e o fechamento das inscrições serão publicados na página Date esami.

2.       Certificações linguísticas

Equivalência dos títulos

Os estudantes em posse de um certificado linguístico podem pedir a sua equivalência para efeitos de reconhecimento direto dos créditos (CFU) previstos no plano de estudos.

Como pedir o reconhecimento de uma certificação linguística

Para iniciar o processo de reconhecimento, o estudante tem de preencher na íntegra o seguinte formulário, anexando uma cópia do certificado em formato PDF.

A certificação não deve ter uma data de emissão superior a três anos em relação à data do pedido de equivalência.

Se o estudante tiver certificados com um nível de proficiência mais alto (com relação ao que é exigido pelo Curso de Graduação) obtidos em uma data superior a três anos (no máximo quatro anos a partir do momento em que é pedida a equivalência), é possível obter a equivalência fazendo, eventualmente, uma entrevista integrativa com o CEL.

Se a documentação for considerada válida para efeitos de equivalência, o estudante deverá:

  1. Inscrever-se na primeira chamada mediante o Delphi;
  2. Não se apresentar durante a prova;
  3. Com hora marcada, ir à secretaria do CLA para o registro da nota (verbalizzazione).

 

Atenção: a fim de solicitar a equivalência de uma certificação linguística, deve-se enviar o formulário pelo menos 20 dias antes da data da prova. O pedido de solicitação de certificação, uma vez obtido, é válido apenas para o ano letivo em andamento.

É importante lembrar que serão levados em conta somente os certificados emitidos pelos Organismos de Certificação membros da Association of Language Testers in Europe – ALTE – correspondentes, pelo menos, ao nível B1 (para os Cursos trienais “laurea triennale”) e ao nível B2 (para os cursos de tipo “magistrale” e /ou ciclo único), para os idiomas definidos nos Regulamentos didáticos para cada um dos Cursos de Graduação.

3.   Perguntas frequentes

 

  1. O que é o CLA?

O CLA (Centro Linguistico di Ateneo) organiza cursos de língua estrangeira destinados àqueles que devem obter a idoneidade linguística curricular. Para obter os créditos (CFU) exigidos pelo plano de estudos, todos os estudantes interessados deverão fazer uma “prova de idoneidade”, de acordo com cada língua e cada nível de proficiência exigido.

  1. Quem deve fazer a prova de idoneidade linguística com o serviço CLA?

A idoneidade linguística com o serviço  CLA é obrigatória para os alunos matriculados nos Cursos de Graduação  trienais (“laurea triennale”), Cursos de Graduação de tipo “magistrali” e/ou ciclo único que prevejam a Idoneidade de Língua como “Outras atividades de formação” – altre attività formative –, “Maiores conhecimentos linguísticos” – ulteriori conoscenze linguistiche – (ou “Para o conhecimento de uma língua estrangeira” – per la conoscenza di una lingua straniera). No caso de duas idoneidades no plano de estudos do Curso de Graduação trienal, os alunos são obrigados a escolher duas línguas diferentes.

Não é obrigatória a prova de idoneidade para os alunos matriculados nos seguintes Cursos de Graduação da área de Letras e Filosofia:

  • Lingue e Letterature Moderne (LLEM);
  • Lingue nella Società dell’Informazione (LINFO);
  • Lingue e Letterature Europee e Americane (LLEA).

 

  1. Quantos CFU se obtêm com a idoneidade linguística?

A obtenção dos CFU depende do plano de estudos de cada estudante e é regulamentado de acordo com os Cursos de Graduação.

  1. Como são estruturados os níveis dos cursos CLA?

O CLA oferece cursos de diversos níveis de proficiência linguística. Em geral, os níveis propostos são os seguintes:

  • B1 (para os estudantes matriculados nos cursos de graduação trienais);
  • B2 ( para os estudantes matriculados em “lauree magistrale” e/ou ciclo único).

Para o Inglês há um curso de alfabetização (A2) para os calouros de todo o Ateneu que, no teste de avaliação,  obtiverem um resultado abaixo do limiar consentido.

  1. Sou um calouro matriculado em um curso de graduação trienal e tenho que fazer a idoneidade linguística para o Inglês. Como faço para saber qual curso frequentar?

Antes de se matricular em um curso de língua para obter a idoneidade linguística em sua Área, é necessário que o aluno faça um teste de nivelamento (placement test). O estudante obterá a idoneidade se o resultado for correspondente ao nível de proficiência desejado, ou deverá se dirigir ao curso que melhor se adapte às suas necessidades.

  1. Sou um calouro matriculado em um curso de graduação magistrale e/ou ciclo único e tenho que fazer a idoneidade linguística para a língua inglesa. Como faço para saber qual curso devo frequentar?

O curso que se deve frequentar é o de nível B2. Também neste caso o estudante deve fazer um teste de nivelamento (placement test) e, então, conseguir a idoneidade se o resultado obtido for correspondente ao nível solicitado.

  1. Sou um calouro e tenho que fazer a idoneidade linguística para uma língua diferente do inglês. Qual curso devo frequentar?

Se você está matriculado em um curso de graduação trienal, terá que frequentar o curso de nível B1. Se você está matriculado em um curso de graduação magistrale e/ou ciclo único, deve frequentar um curso de nível B2.

  1. Que tipo de prova tenho que fazer e quantas sessões estão previstas?

Para a obtenção dos créditos (CFU) há 5 chamadas por ano, distribuídas em três sessões:

  • invernal/verão adiantada (janeiro e fevereiro);
  • verão (junho e julho);
  • outono (setembro).

NÃO é possível repetir a prova na mesma sessão.

Para o Inglês, a prova será computer based, a partir da sessão de verão (junho de 2017). A organização das provas será determinada por cada docente.

Informações mais detalhadas estarão disponíveis nas páginas deste site correspondentes a cada idioma.

  1. A reprovação na prova é de alguma forma registrada?

A não-aprovação na “prova de idoneidade” será visualizada na página Delphi pessoal do estudante, com os dizeres “Não idôneo”.

  1. Não posso frequentar as aulas: como faço para me preparar sozinho da melhor maneira possível?

No site do CLA cada docente avisará quais livros didáticos serão utilizados durante o curso e, eventualmente, indicará uma bibliografia adicional. Para o Inglês: os estudantes que não frequentam o curso deverão interagir com o docente, acessando uma plataforma de e-learning e garantindo um mínimo de 70% de exercitações. Além disso, é aconselhável participar dos atendimentos ao estudante, nos horários e nos dias indicados.

 

  1. Tenho uma certificação linguística emitida por um Organismo de certificação. Pode ser útil para mim?

Com certeza sim, desde que a certificação seja emitida por instituições reconhecidas internacionalmente. Admitem-se certificações emitidas nos últimos dois anos (três anos se o certificado indicar um nível de proficiência superior ao exigido pelo Curso de Graduação). Para maiores informações e para o reconhecimento da equivalência para a aquisição da idoneidade de plano, verifique a seção deste site “Certificações linguísticas.”

 

  1. Tenho uma certificação linguística emitida por um Organismo de certificação, mas ela não cumpre os prazos exigidos. O que posso fazer?

Nestes casos, serão avaliados a data de validade e o nível de proficiência do certificado. Se for o oportuno, será dada a possibilidade de fazer uma entrevista oral com o docente para avaliar se as habilidades linguísticas adquiridas com tal certificado correpondem ao nível mínimo de proficiência exigido pelo CLA. Se o resultado for positivo, o candidato deverá registrar (verbalizzare) a idoneidade na primeira chamada útil; em caso de resultado negativo, o estudante deverá se apresentar na chamada para a prova.

  1. Eu fiz um curso de língua em uma escola de idiomas na Itália ou no exterior e tenho um certificado de frequência. O que posso fazer?

Aceitam-se apenas os certificados emitidos por organismos de certificação internacionalmente reconhecidos, e não certificados de frequência em cursos de línguas.